Aperte enter para pesquisar

Paraná

Com mais R$ 23 milhões, Paraná amplia apoio à agricultura familiar

Da Redação

-

09 de outubro de 2020

Os recursos são de um convênio com o governo federal, assinado nesta sexta-feira (09) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, Foto: AEN

O Governo do Paraná vai ampliar as ações do programa de incentivo à agricultura familiar. O Estado terá mais R$ 23,1 milhões à disposição para impulsionar a compra de produtos de pequenos e médios produtores. Os recursos são de um convênio com o governo federal, assinado nesta sexta-feira (09) pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, em cerimônia no Palácio Iguaçu que contou com a presença do ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni.

 

“É mais uma ação, dentre tantas em andamento no Estado, que permitem colaborar com os pequenos agricultores, fazendo com que o alimento plantado chegue à mesa de pessoas mais vulneráveis”, afirmou Ratinho Junior. “O Governo busca fazer com que as pessoas tenham qualidade de vida e sejam felizes. E não existe felicidade e prosperidade sem comida na mesa, por isso a importância deste tipo de investimento. É uma parceria que agrega e amplia tudo o que já é feito aqui”, completou o governador.

 

O termo firmado com a União permite ao Paraná aderir pela primeira vez ao Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) Estadual. Estão disponíveis, apenas nesta modalidade, R$ 7,3 milhões. O governo estadual ficará encarregado de selecionar os agricultores, municípios e entidades filantrópicas que integrarão o projeto.

 

O produtor venderá diretamente para as associações, com o pagamento sendo feito pelo governo federal. Cada produtor selecionado poderá receber até R$ 6,5 mil por ano. A ação vai beneficiar 1.134 agricultores familiares em situação de vulnerabilidade social, de 80 municípios do Estado com os menores índices de Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

 

COOPERATIVAS – Além disso, o convênio prevê R$ 8 milhões por meio de ações da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), voltada para pequenas cooperativas locais, e R$ 7,6 milhões para o PAA Municipal, quando os acordos são estabelecidos diretamente com as cidades. Os acordo já estão em execução.

 

De acordo com o Ministério da Cidadania, no total 3 mil agricultores familiares locais serão atendidos e cerca de 300 mil pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade social receberão as doações de sete mil toneladas de alimentos. Dos 399 municípios do Paraná, 118 executam o PAA. O programa existe desde 2003.

 

“Costumo chamar de ponte da solidariedade. Compramos daqueles agricultores que mais precisam e esses alimentos chegam às entidades de filantropia”, disse Lorenzoni. “O Paraná é um estado com iniciativas pioneiras, que encurta a distância entre o Poder Público e aqueles que mais precisam. Cada real que é colocado aqui acaba multiplicado muitas vezes, claramente porque o Paraná é um estado que faz a lição de casa”, complementa o ministro.

 

Informações: Governo do Estado

Compartilhe essa matéria!

Receba as notícias do Portal Clique no celular!

Comentários

Notícias Relacionadas

PANDEMIA

Paraná ultrapassa 200 mil infectados pela Covid-19

O Paraná chegou a 200.952 infectados pela Covid-19. A doença levou a óbito 4.986 paranaenses, segundo boletim da Secretaria de Estado da Saúde...

ENSINO SUPERIOR

Universidades estaduais do Paraná conquistam nota máxima no Enade

Cerca de 80% dos cursos das Universidades Estaduais do Paraná conquistaram as melhores notas na última edição do Exame Nacional de Desempenho dos...

REDES SOCIAIS

Irmãs do vídeo de aniversário que viralizou na internet são do Paraná

O assunto da internet nas últimas 24 horas são as irmãs, Maria Eduarda e Maria Antônia, que protagonizaram uma cena bem comum do cotidiano, mas...